Blog do UOL Tecnologia

Arquivo : tablet

Sombrero pink ajuda a tirar selfies (ou apenas parem com essa modinha)
Comentários Comente

Ana Ikeda

Podia ser mais uma daquelas pegadinhas internéticas, mas depois que vimos as fotos publicadas no perfil da Acer do Reino Unido no Facebook, chegamos à triste conclusão: eis que o mundo ganhou um sombrero pink “ideal” para tirar selfies.

Segundo o post no Facebook, a fabricante taiwanesa ajudou o designer fashion Christian Cowan-Sanluis a criar o “primeiro chapéu selfie” em comemoração à Semana de Moda de Londres.

Descrição da maravilha contemporânea: “Com estilo de sombrero, o chapéu gira 360º e vem com um tablet Acer Iconia A1-840 que permite a quem luta para tirar selfies encontrar o melhor ângulo da foto”.

No site de Cowan-Sanluis, há ainda a informação de que o “Selfie Hat” vem acompanhado de “capas em edição limitada” com minichapéus destacáveis. Agora sim fomos convencidos a usar o sombrero pink brilhante.

O designer fashion Christian Cowan-Sanluis posa segurando a capa ‘em edição limitada’ que acompanha o sombrero

Humanidade, apenas pare com essa modinha, por favor. Acer, diga que é pegadinha, por favor.

Selfies perigosos

Veja Álbum de fotos

Lá do The Verge.

Foto: Divulgação/Acer/Christian Cowan-Sanluis.


Avós ‘high-tech’ criam aplicativo para manter contato com netos que moram longe nos EUA
Comentários Comente

Ana Ikeda

Os “avós tecnológicos” Girsch têm um histórico longo como inventores: eles são conhecidos designers de brinquedos e já licenciaram mais de 200 produtos

O casal Charlie e Maria Girsch tem seis filhos e oito netos, que vivem em locais diferentes nos Estados Unidos. Eles não estavam satisfeitos com a comunicação entre a família: além das ligações interurbanas serem caras, os avós não achavam o Skype tão interessante para as crianças. Foi então que eles resolveram criar um aplicativo só para manter contato com os netos.

Segundo o ”Mashable”, o aplicativo FamZoom estimula a interação em tempo real com as crianças por ter uma interface especial (e fofa) pela qual dá para conversar, jogar, desenhar, ler e fazer videochamadas. Tudo isso ao mesmo tempo e junto com os avós.

“Quando mexo uma peça no jogo de quebra-cabeças no iPad aqui, ela também se move no iPad de Johnny [neto]”, explica Maria.

Segundo os Girsch, o aplicativo também pode ajudar crianças hospitalizadas a continuar a manter contato com parentes.

O aplicativo, que precisou de US$ 300 mil de investimento dos avós, ainda aguarda aprovação da App Store, da Apple, para que possa ser oferecido na loja para outras pessoas. Há também uma versão para Android sendo desenvolvida.

Avós inventores

Os netos se surpreenderam com o invento de Charlie e Maria, conta o casal. “Eles acham que somos loucos”, disse Charlie. “Eles não acreditavam que tínhamos esse tipo de conhecimento.”

Agora, eles tentam um financiamento coletivo no site Indiegogo para comprar iPads, instalar o aplicativo e doá-los para Institutos Ronald McDonald nas cidades de Denver e Tampa.

Os “avós tecnológicos” Girsch têm um histórico longo como inventores: eles são designers de brinquedos e já licenciaram mais de 200 produtos para companhias como a Mattel, Playskool e Fisher-Price. Em 1996, eles abriram uma consultoria que trabalha para empresas como General Mills, Target e Kraft Foods.

Outro detalhe curioso da história dos avós: eles se conheceram em Chicago, nos anos 60. Ele era padre; ela, freira. Os dois se apaixonaram e largaram o celibato.



Lá do Mashable.

Imagem: Reprodução.


Oito em cada dez homens jogam com smartphone ou tablet durante jantar, diz pesquisa
Comentários Comente

Ana Ikeda

Precisa de companhia para o jantar? Chame uma amiga: uma pesquisa mostra que 80% dos homens preferem ficar jogando no tablet ou smartphone durante a refeição. Além disso, 76% deles ficam sentados em silêncio diante do par enquanto navegam na internet. E jantam.

Outros dados da pesquisa são ainda mais “alarmantes”: 84% das pessoas entrevistadas disseram ficar bravas se forem interrompidas enquanto usam o celular ou tablet no jantar.

Algumas pessoas até preferem conversar com seguidores que eles nunca viram em pessoa do que com um parceiro, familiar ou amigo de carne e osso.

“É quase como se o mundo em volta não existisse”, diz Mark Hall, da Socked.co.uk, que conduziu a pesquisa no Reino Unido.

Outra opção de companhia (#FicaDica) é arranjar… um smartphone também.

Lá do Daily Mail.

Foto: Getty Images.


Pesquisa: um em cada quatro britânicos deu eletrônicos “velhos” para os pais no Natal
Comentários Comente

Ana Ikeda

O que fazer com aquele tablet ou smartphone que você comprou no ano passado, ainda funciona, mas você já não quer mais? Ué… dê para seu pai ou para sua mãe. A ideia, caro leitor, não é do Gigablog: no Reino Unido, uma em cada quatro pessoas fez isso neste Natal, de acordo com uma pesquisa com 2.000 consumidores feita por uma operadora de celular.

Mães foram as preferidas na escolha de quem receberia o smartphone ou tablet (44%), enquanto pais ficaram em segundo lugar (28%).

Pais e mães ganharam gadgets “de segunda mão”, de acordo com a pesquisa, porque a maioria de seus donos (jovens entre 18 e 24 anos) consideraram que os eletrônicos já estavam ultrapassados. Mas um terço deles fez isso porque estava “sem grana” mesmo (dá para usar a desculpa do “ecologicamente sustentável” se precisar…).

Ainda, uma a cada dez pessoas deu um eletrônico velho para os pais para eles poderem se conectar em redes sociais, como Facebook e Twitter.

Vai ter muita gente recebendo posts do tipo “Filho, já almoçou? Comeu direitinho?”… “Faz tempo que você não liga para nós aqui em casa, filho”… “Querido, não está mais namorando? Porque não contou para a mamãe?”… e por aí vai. :P

Você daria um tablet ou smarpthone velho para seus pais? Ou novo?

Lá do Daily Mail.

Foto: Getty Images.


iPhone 5 e iPad mini podem ser lançados em 12 de setembro, diz site
Comentários Comente

Ana Ikeda

A data de lançamento do iPhone 5 – como não poderia deixar de ser – já alimenta (muitos) rumores em sites especializados. O iMore é um deles e até cravou uma data: 12 de setembro. Não bastasse esse rumor, o site afirma que na mesma data será apresentado o iPad mini (versão menor do tablet da Apple, como sugere o nome, e também bastante alardeada na internet nos últimos tempos).

A informação, segundo o iMore, ”vem de fontes que se provaram precisas no passado”. O iPhone 5 começaria a ser vendido em 21 de setembro (uma sexta-feira, como já faz tradicionalmente a Apple), mas sobre a data de venda iPad mini ainda não há informações.

No ano passado, o anúncio do iPhone 4S não empolgou como de costume: foi no dia 4 de outubro, véspera da morte de Steve Jobs, cofundador da Apple. Além disso, em vez do iPhone 5, foi apresentada uma versão “melhorada” do iPhone 4, com câmera de 8 megapixels, processador A5 e o assistente pessoal Siri (que tem funções limitadas no Brasil).

No mínimo, a Apple deve melhorar o processador do smartphone – tendo em vista que a concorrência já lançou modelos quad-core. Quanto ao design, aparentemente serão poucas mudanças, se fotos vazadas do iPhone 5 (mostradas pelo site chinês iLab Factory). A mais importante delas, no entanto, pode ser a da diminuição do conector do aparelho, que inutilizaria zilhares de cacarecos acessórios lançados para o smartphone ou exigiria a compra de um adaptador.

Será que agora vai?

Lá do iMore.

Foto: Reprodução.


Google pode anunciar tablet de 7 polegadas em conferência anual nesta semana, afirma site
Comentários Comente

Ana Ikeda

É Google, agora só falta você: depois do lançamento na última semana do Surface, tablet de fabricação própria da Microsoft, fãs de tecnologia aguardam (há muito tempo) que a gigante de internet mergulhe de cabeça no mercado dos ultraportáteis. E, segundo o Gizmodo Austrália, é justamente o que deve ocorrer na próxima quarta (27).

É nesta data que começa o Google I/O,  conferência anual de desenvolvedores da empresa. De acordo com o site de tecnologia australiano, que diz ter tido acesso a um “documento de treinamento” do Google, o tablet que será lançado pela empresa terá 7 polegadas (como o Galaxy Tab 7, da Samsung), processador Tegra 3 quad core de 1.3 Ghz, NVIDIA GeForce GPU e duas versões de armazenamento (8 GB e 16 GB). Claro, o tablet vai rodar o novo Jelly Bean, sucessor do sistema Ice Cream Sandwich (Android 4.0), já “vazado” semana passada.

Um pequeno tablet “gigante” (em processamento, digamos). Mas difícil concorrer com um iPad “grandão” (em tela) e veterano (no mercado há dois anos)…

O preço, prossegue o site, deve ser de US$ 199 (8GB) e US$ 249 (16 GB), que terá fabricação da Asus.

Curtiu?

Lá do Gizmodo Austrália.

Foto: Reprodução.


Pergunta que não quer calar: o Novo iPad tem processador de dois ou quatro núcleos?
Comentários Comente

Ana Ikeda

Não foi só uma tela de altíssima definição que o novo iPad ganhou: a Apple também incluiu no tablet o novo processador A5X. Mas ele tem dois ou quatro núcleos? A confusão tem sido geral – até mesmo entre jornalistas – sobre essa pequena e tão importante peça do hardware.

Nas especificações técnicas existentes no site da Apple sobre o novo iPad, a empresa descreve o chip como “dual-core com design personalizado, de alto desempenho, baixo consumo de energia e [aí vem o detalhe que causa confusão] gráficos quad-core”. Procurada pelo UOL Tecnologia para esclarecer melhor como o A5X funciona, a Apple informou que não daria detalhes sobre a peça.

Mas Hubert Nguyen, cofundador e editor do site Ubergizmo, publicou um post extenso tentando esclarecer a questão (tentamos detalhar ao máximo a explicação dele aí embaixo) e concluiu: “Definitivamente, esse não é um processador quad-core”.

Então, como funciona?

Antes de tudo, é preciso entender como funciona um processador de dispositivos móveis. Diferentemente dos desktops, que tem “peças” diferentes para o processamento de dados, de gráficos e de memória, tudo isso em um smartphone ou tablet está concentrado em um único chip. O chip é feito de várias unidades de processamento de dados – as centrais são chamadas de “cores” ou núcleos (um, dois, quatro núcleos ou single, dual ou quad-core).

Pense no chip como uma empresa, cheia de trabalhadores (as unidades de processamento) e áreas responsáveis por eles (núcleos). Cada um desses trabalhadores têm tarefas específicas: uns cuidam de abrir uma página de internet para você; outros instalam aplicativos no seu tablet. Para isso, o AX5 tem dois núcleos (CPU, Central Processing Unit ou Unidade de Processamento Central) que concentram a atenção só nessas atividades.

Como a parte gráfica no novo iPad é “a cereja do bolo” do dispositivo, com uma tela Retina de incríveis 2048×1536 pixels, a Apple dedicou uma equipe de alto rendimento só para desempenhar tarefas relacionadas a isso. A GPU (Graphics Processing Unit ou Unidade de Processamento Gráfico) também possui seus próprios núcleos (no caso, quatro), mas eles não são os mesmos que o da CPU.

Essa equipe “turbinada” pode abrir muito mais rápido fotos e vídeos, além de permitir a edição tranquila desse material. Outra tarefa dela é mostrar imagens pesadonas de games de gráficos caprichados, etc).

A Apple afirma que o chip A5X é superior ao Tegra 3, processador quad-core desenvolvido pela Nvidia e usado nos mais recentes smartphones e tablets lançados no mercado. “Em uma comparação com o Tegra 3, da Nvidia, o novo processador A5X é duas vezes mais rápido e tem desempenho quatro vezes melhor“, disse Phil Schiller, vice-presidente senior de marketing da Apple, no evento de lançamento do tablet.

Mas como um processador dual-core é duas vezes mais rápido que um quad-core?

Isso dá pano para ooooooutro post…


Lá do Ubergizmo.

Foto: Divulgação.


Designer solta imaginação e “inventa” iPad 3 com imagens em 3D e holográficas
Comentários Comente

Ana Ikeda

Ele ainda nem chegou ao mercado, mas (tradicionalmente) já gera o maior burburinho online. Sim, estamos falando do iPad 3, que será lançado provavelmente na próxima quarta (7), data em que a Apple confirmou a realização de um “evento especial” sobre seu tablet. Enquanto isso não acontece, alguns designers se aventuram na criação de “conceitos” do famigerado iPad 3.

Nesse logo abaixo, da Aatma Studios, é para lá de futurista: o tablet ganha uma borda infinita e pode ser conectado “magneticamente” a outro ultraportátil… e as telas dos dois tablets se unem… para formar imagens em 3D e holográficas… para jogos!

Haja imaginação… confira o vídeo:

[uolmais type=”video” ]http://mais.uol.com.br/view/12565019[/uolmais]

 

Além da tela de funcionamento fantástico-maravilhoso-sensacional, o “iPad 3” de mentirinha vem equipado com a tecnologia NFC (Near Field Communication, que permite a comunicação entre dois dispositivos bastando estarem próximos um do outro, veja aqui como funciona). Convenhamos, com o grande número de smartphones sendo lançados com essa tecnologia, não seria má ideia se a Apple embarcasse na onda também.

Pena que é só um conceito… vamos ter de esperar até quarta mesmo.

E você, o que está esperando ver no iPad 3? Conte abaixo :)

(Tela de altíssima definição o/)

Lá do Huffington Post.


Bebê de um ano tenta mexer em revista como se fosse um iPad (e se decepciona!); assista
Comentários Comente

Ana Ikeda

Já vimos gatos e uma menina de dois anos usando um iPad, mas o vídeo abaixo ganha em grau de fofice e nerdice.

Essa menina (tãããão tchutchu de fofa) tem um ano de idade e adora um iPad, mas quando vai mexer numa revista de papel, sente que “algo não está funcionando direito”. Para ela, a revista “quebrou”. Chocante!

[uolmais type=”video” ]http://mais.uol.com.br/view/12175128[/uolmais]

 

“A tecnologia codifica nossas mentes, muda nosso sistema operacional”, diz a descrição no YouTube.

No final do vídeo, há a seguinte mensagem, de Jean-Louis Costanza, pai da menina: “Para minha filha de um ano de idade, uma revisa é um iPad que não funciona. Isso vai continuar assim pelo resto de sua vida. Steve Jobs codificou uma parte do sistema operacional dela.”

Lá da CNET.

Imagem: Reprodução.

Tags : ipad tablet


Asus tira sarro do iPad colocando fita adesiva para ficar igual ao tablet da marca
Comentários Comente

Guilherme Tagiaroli

Depois da guerra de sistemas operacionais e de smartphones, chega o momento das fabricantes de tablets iniciarem uma “guerra” para chamar a atenção do consumidor. O último capítulo da competição foi protagonizado pela Asus. A empresa, em um anúncio da Best Buy (varejista de eletrônicos norte-americana), tirou um barato do iPad da Apple.

Logo no início do anúncio, há a seguinte frase “Parecido com isso. Mas melhor”. Na imagem abaixo da frase, há um iPad 2 colado com silvertape em um teclado à esquerda e à direita o Eee Pad Transformer, portátil da Asus (que deve chegar ao Brasil no 2º semestre) que já vem com um teclado incluso.

Fãs da Apple podem falar “Ah, mas também tem teclado para iPad”. De fato, tem, mas ele só fica na posição vertical (em pé). A ‘graça’ da propaganda da Asus é que o tablet da marca taiwanesa pode ficar disposto no teclado como um notebook, com a tela na posição horizontal. Além disso, segundo a Asus, a bateria do Transformer tem autonomia de 16 horas — 6 horas a mais que o iPad.

Brincadeiras a parte, Steve Jobs (diretor-executivo da Apple), que não perde tempo, logo na apresentação do iPad tirou uma casquinha da concorrência ao lembrar a diferença do número de aplicativos para tablet entre Android e Apple. Enquanto, há 65 mil alternativas de programas para iPad, para a versão Honeycomb (específica para tablets e que vem embarcada do Eee Pad Transformer) há apenas 100.

A ver os próximos episódios da guerra dos tablets…

Atualização: A Best Buy removeu a propaganda.

____

Lá do SlashGear
Imagem: Reprodução/BestBuy


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>